Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Noua fabula de pauone

Tiberius condiscipulo suo Claudio dicit:

— Heri in ludo magister nouam fabulam de pauone narrauit.

— Qualis fabula erat ? — Claudius interrogat.

— Fabula pulchra enim erat et omnes amauimus. Iucundum est fabulas audire.— respondet Tiberius.

— Tunc narra mihi fabulam, quaeso. Heri in ludum uenire non potui.

Audi:

" Olim pauo ad Iunonem uenit et deae dixit:

— Pulchrae pennae meae cunctos delectant, uocem uero ridiculam habeo. Num beatus esse possum? Cur dei tam saeui fuerunt ?

Iuno autem respondit:

— Verba tua non laudare possum. Nam dei non cuncta cunctis tribuerunt. Multis magnum aut formosum corpus dederunt, paucis iucundam uocem; leoni uirtutem, pauoni pulchras pennas dederunt. Miser non es sed ingratum et superbum animal es. Itaque time iram meam."

Amauistine ? — interrogat Tiberius.

— Certe, amaui. Pauo est enim pulchra auis sed superba propter pennarum pulchritudinem. Pauones esse non debemus.

____________________________

Vocabulário:

cunctus, a, um : todo

corpus, corporis (neutro): corpo

delecto,as, are, delectaui : encantar

heri (adv.): ontem

miser, misera, miserum : infeliz

olim (adv.): um dia,uma vez

possum, potes, posse, potui : poder

propter (prep. de acus.): por causa de

pulchritudo, pulchritudinis: beleza

quaeso : por favor

qualis (pron.interr.): qual

saeuus, a, um : cruel

superbus, a, um : soberbo, orgulhoso, altivo

tribuo, is, ere, tribui : dar, conceder

uirtus, uirtutis (f.): força, coragem

uox, uocis  (f.): voz

A. Responde latine:

1. Quid magister in ludo narrauit ?

2. Cur Claudius fabulam non audiuit ?

3. Eratne pauo beatus ?

4. Quid Iuno pauoni dixit ?

 

B. Questões gramaticais:

 

Atente nos nomes da 3ª declinação — destacamos:

—    no nominativo do singular:  pauo, Iuno

—    no acusativo do singular: Iunonem, uocem, uirtutem, pulchritudinem

—    no dativo do singular : leoni, pauoni

—    no ablativo do singular: pauone

—    no nominativo do plural : pauones

 

Flexão verbal — em destaque

1.     O pretérito perfeito do indicativo, voz activa: narrauit, amauimus, potui, uenit, dixit, fuerunt, respondit, tribuerunt, dederunt, amauisti,  amaui

2.     O modo imperativoimperativo presente, voz activa: narra, audi, time

 *****************************************

Comecemos pelo enunciado do verbo. Depois da 1ª pessoa do singular do presente do indicativo, 2ª pessoa, infinitivo presente, vem a 1ª pessoa do singular do pretérito perfeito:

 

—    narro, narras, narrare, narraui, : narrar, contar

—    amo, amas, amare, amaui, : amar

—    uenio, uenis, uenire, ueni, : vir

—    dico, dicis, dicere, dixi, : dizer

—    respondeo, respondes, respondere, respondi, : responder

—    tribuo, tribuis, tribuere, tribui, : dar, atribuir, conceder

—    do, das, dare, dedi, : dar

—    sum, es, esse, fui : ser, estar, existir

—    possum, potes, posse, potui : poder

 

1 . Vejamos as terminações do pretérito perfeito:

 

SINGULAR

1ª pessoa

- i

 

2ª pessoa

- isti

 

3ª pessoa

- it

PLURAL

1ª pessoa

- imus

 

2ª pessoa

- istis

 

3ª pessoa

- erunt  / -ere

 

Conjugação — exemplos:

narraui

ueni

dixi

fui

narrauisti

uenisti

dixisti

fuisti

narrauit

uenit

dixit

fuit

narrauimus

uenimus

diximus

fuimus

narrauistis

uenistis

dixistis

fuistis

narrauerunt

uenerunt

dixerunt

fuerunt

 

  • Como vemos, há verbos com o perfeito  em – ui (os mais regulares); outros com o perfeito em – i, outros com um perfeito em – i e sigmático [ o verbo dicere — tema: dic- ; forma-se o perfeito acrescentando um – s ao tema — dic – s – i > dixi  ]

 

 2.     Imperativo presente:

 

2ª pessoa do singular : igual ao tema / tema + e (nos verbos de tema em consoante)

2ª pessoa do plural: tema + - te

 

Exemplos:

2ª pessoa do singular

narra

time

audi

dice

2ª pessoa do plural

narrate

timete

audite

dicite

 

TRADUÇÃO DO TEXTO:

 

Tibério diz ao seu colega Cláudio:

—   Ontem na aula o professor contou uma nova história sobre o pavão.

—   Qual era a história? — pergunta Cláudio.

—   Era, na verdade, uma linda história e todos gostámos dela. É agradável ouvir histórias. — responde Tibério.

—    Então, conta-me a história, por favor. Ontem não pude vir à aula.

—   Ouve:

“ Um dia o pavão veio junto de Juno e disse à deusa:

—   As minhas penas encantam todos, porém tenho uma voz ridícula. Acaso posso ser feliz? Porque é que os deuses foram tão cruéis?

Juno, então, respondeu:

—   Não posso louvar as tuas palavras. Na verdade os deuses não deram tudo a todos. A muitos deram um corpo grande ou formoso, a alguns (poucos) deram uma voz agradável; ao leão deram a força, ao pavão deram belas penas. Não és infeliz, mas és um animal ingrato e arrogante. E assim teme a minha ira. “

—   Gostaste? — pergunta Tibério.

—   Certamente, gostei. O pavão é, na verdade, uma ave bonita mas presunçosa por causa da beleza das suas penas. Não devemos ser pavões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:46


Mensagens


9 comentários

De Anónimo a 26.09.2014 às 13:53

Que quer dizer -ere/-erunt? Utiliza-se um em alguns casos e o outro noutros? Ou se utiliza indistitamente?
Por que o radical do pretérito perfeito é diferente de todos os outros?
E, sempre um pouco de filologia, como o amavi se transformou em amei?

De isa a 26.09.2014 às 16:41

Respondendo às questões postas:
— A terminação da 3ª pessoa do plural do pretérito perfeito é, normalmente, - erunt; por vezes, em alguns autores aparece a forma - ere, mas é mais rara. Aparece mais na poesia.
— Nas formas verbais podemos distinguir: tema - característica - desinência ; no presente do indicativo, as desinências juntam-se directamente ao tema, sem característica; mas no pretérito imperfeito, que já vimos, aparece a característica - ba - ;
— Distinguimos os tempos do "infectum" (presente, pretérito imperfeito, futuro imperfeito) dos do "perfectum"(pretérito perfeito, pretérito mais-que-perfeito, futuro perfeito) ; o "perfectum" (porque exprime a acção completamente acabada) tem características diversas: elementos de formação especiais; desinências especiais no perfeito do indicativo.
— Quanto à passagem do latim "amaui" para o português "amei" : trata-se da tendência do u (semivogal, aqui com valor consonântico) para cair, quando em posição intervocálica — amaui > amai > amei ; de ai para ei, é uma evolução que aparece noutros vocábulos, de aproximação dos timbres vocálicos ( o timbre a aproximou-se do timbre seguinte — o i — sem se tornar igual )

De Daniel a 24.04.2015 às 01:53

A. Responde latine:
1. "Quid magister in ludo narrauit ?"
"Magister nouam fabulam de pauone in ludo narrauit."
2. "Cur Claudius fabulam non audiuit ?"
"Claudius fabulam non audiuit, quia heri in ludo uenire non potuit."
3. "Eratne pauo beatus ?"
"Pauo ingratum et superbum animal erat."
4. "Quid Iuno pauoni dixit ?"
"Pauo iram Iunonis timuit"

"Heri in ludum uenire non potui." e "Quid magister in ludo narrauit ?": qual a diferença entre "in ludum" e "in ludo"?
E como é "que" em latim? Por exmplo: "Iuno pauoni dixit ? Pauo iram Iunonis timuit

De isa a 22.06.2015 às 18:22

Desculpe não ter respondido, não me tinha apercebido deste comentário.
— in ludum (in + acusativo) — lugar para onde: como temos o verbo "uenire" (que indica movimento) há a ideia de movimento de um lado para o outro = não pude vir à aula (não pude vir para a aula);
— in ludo (in+ablativo) — lugar onde (estático): o professor na aula (O que é que o professor contou na aula?)

Atenção às suas respostas às perguntas: 1 e 2 estão certas, mas 3 e 4 não.
Pergunta 4 : "Eratne pauo beatus ?" (tradução: o pavão era feliz?) — a resposta é NÃO: Minime, pauo beatus non erat.
Pergunta 5: "Quid Iuno pauoni dixit ?" (tradução: o que é que Juno disse ao pavão?): veja no texto : Iuno dixit: Miser non es sed ingratum et superbum animal es. Itaque time iram meam. (tradução: não és infeliz, mas és um animal ingrato e arrogante. Por isso teme a minha ira/acautela-te da minha fúria )

De Daniel a 26.06.2015 às 17:32

Obrigado pela correção e pela diferenciação de sentido das duas preposições.
O blog irá voltar a entrar em atividade? E poderia me indicar um bom fórum de discussão sobre a língua latina e a cultura clássica em português?

De isa a 27.06.2015 às 08:43

Sim. O blog não "fechou". Tenho andado ocupada com outros projectos, mas vou retomar as lições de latim aqui no blog. Quanto a "forum de discussão" não conheço nenhum credível que lhe possa indicar. É que por vezes abro alguns que aparecem (especialmente em português do Brasil) e vejo muitos erros de latim.

De Daniel a 27.06.2015 às 19:00

Obrigado de novo. Mas poderia me indicar, então, algum site que fale sobre a cultura clássica(que descreva o formato das casas romanas, as relações familiares, a religião e outros aspectos)?

De isa a 27.06.2015 às 19:37

Aí vão alguns endereços:

file:///users/IM/Desktop/A%20Cidade%20Antiga%20-%20Fustel%20de%20Coulanges — é o livro completo em pdf


file:///users/IM/Desktop/La%20vida%20cotidiana%20en%20la%20antigua%20Roma:%20La%20familia..


http://www.civilisation-romaine.com/ — Temas de civilização


http://romereborn.frischerconsulting.com/ — História de Roma, com imagens

http://www.uc.pt/fluc/iarq/pub_online/pdfs_online/2013_Casaromana — livro completo em pdf

De Daniel a 27.06.2015 às 22:55

Muito obrigado!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D



calendário

Setembro 2014

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tradução ...

  • isa

    O Boletim de Estudos Clássicos só pode ser encontr...

  • isa

    Atenção à tradução:Sabini Romanorum seruos audiunt...

  • Anónimo

    ...

  • Anónimo

    Tradução do texto simplificado Europa é um lu...